Sete Pecados – Gula


Escrito por: Lucas AlvesSete Pecados - Gula

Era sábado. Fui visitar minhas irmãs e matar saudades da família.  E lá conheci Gregory.

— Oi. — disse Gregory a mim.

Virei-me e olhei em seus olhos escuros como a noite perdida.

— Olá! — respondi de imediato.

Fiquei sem graça por ele vir falar comigo, enquanto eu comia um X-Burg completo.

— Você é magnífica. — disse ele olhando nos meus olhos.

Fiquei sem graça e larguei meu lanche de lado, limpei minhas mãos.

— Prazer sou Gluttona.

— Que nome diferente lindo que nem você.

Fiquei sem graça e dei uma risadinha.

— Pelo visto você é o Gregory, certo?

Ele deu um sorriso e balançou a cabeça positivamente.

— Mas pode me chamar de Greg.

Olhei em seu olhos tremi, não sei sentia uma energia muito forte vindo dele. Greg olhou para mim, pegou na minha mão e me levou para fora da casa de minhas irmãs. Saímos andando pela rua conversando e se conhecendo mais. Até que senti algo em meu estômago, era tão forte que doía, mas não era fome de comida. Era uma fome maior que eu.

— Quer ir pra minha casa? — perguntei — Lá podemos ficar mais a vontade.

Aquilo também era uma surpresa, o que me movia naquele instante, naquele momento, não condiz com quem eu era…

— Claro! — afirmou ele com um grande sorriso em seu rosto.

Andamos de volta para casa da minha irmã para pegar meu Land Rover Evoque e fomos direto pra minha casa. Ao chegar comecei a beijá-lo, morder, arranhar.

— Então você gosta de morder né? — falou Greg sorrindo e com cara de que estava planejando algo a mais.

Fomos para o quarto com o resto de roupa que tínhamos. Joguei ele na cama e falei:

— Tire o que tem. — falei com um olhar provocante.

— Mas eu só estou de cueca. — afirmou!

— Mandei Tirar — comecei a andar pelo quarto enquanto ele me olhava fui à direção da porta — Me aguarde, vou trazer algo pra adoçar.

— O que você vai pegar? — perguntou com uma cara de curiosidade e desconfiança.

Olhei para ele e fui para cozinha.

Voltei com as mãos nas costas.

— O que você tem ai?

Andei em sua direção com uma lingerie vermelha, liguei o som e coloquei a música “Pussycat Dolls – Buttons” comecei a desfilar e desabotoar os dois únicos botões. E cantando…

I’m telling you loosen up my buttons baby
But you keep fronting
Saying what you gonna do to me
But I ain’t seen nothing 

Greg continuava me encarando com um olhar de safado.

— Estou adorando a surpresa. — disse ele com um olhar fixado em meu corpo.

— E quem disse que acabou? — respondi, peguei a lata de leite condensado e comecei a jogar pelo corpo dele e a lamber. — A surpresa só esta começando…

Greg sorriu e me encarou e disse;

— Faça tudo minha gulosinha.

Olhei para já lambendo a sua cintura.

— Farei tudo e um pouco mais. Por que sou gulosa!

Depois só escutei o grito de prazer ecoar pela casa…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s