Mais que amigos — Brincadeiras


Escrito por: Lucas Alves
Mais que amigos — Brincadeiras

Fomos para a casa de Sara quando saímos da escola, esperávamos ver o tal filme.

— Então, que filme vamos ver mesmo? — perguntei curiosamente.

— Não sei, que filme vocês querem ver?

— Como assim? Pensei que já tinha um filme em mente. —falei.

Ficamos um olhando para o outro, até Sara Ligar a TV e ficar mudando de canal.

— Sara cadê seus pais? — perguntou Jules.

— Foram para praia, eu não fui por causa da escola.

Jules olhou para mim e voltou o olhar para Sara.

— Já sei, vamos jogar? — falou Jules.

— Jogar o quê? — perguntei.

— Sara, pegue uma garrafa, — Sara foi até a cozinha e voltou com uma garrafa de vidro vazia. — vamos jogar verdade ou desafio?

Meio que olhei para Jules e logo pensei mil coisas no desafio.

Sentamos um na frente do outro formando um triângulo, já que só tinha nós três, coloquei a garrafa no centro e girei-a a garrafa parou do lado de Jules e Sara.

— Verdade ou desafio? — perguntou Sara.

— Verdade! — respondeu Jules.

— É verdade que você já ficou com homens? — Sara encarou Jules como um touro encara um toureiro. — Se responder mentira terá que apanhar! — concluiu Sara.

— Nossa, que malvados. Sim, já fiquei com homens.

Fiquei encarando ambos, por fora estava normal, mas por dentro eu tremia de medo por escolher a Verdade ou pagar o desafio, não sabia o que escolher só temia o que seria.

Sara rodou a garrafa e a garrafa parou entre mim e Jules.

— Verdade ou Desafio? — perguntará pra mim.

— Verdade. Minha voz saiu meio perdida de medo.

— O.K! Você acha Jules um garoto gostoso? — Sara me olhava tanto que até parecia que ela lia meu pensamentos, enquanto isso, Jules me olhava. —lembre-se se negar terá de apanhar.

— Verdade. —falei.

Eles olharam para mim e deram uma risadinha e falaram juntos “Danadinho”. Fiquei vermelho de vergonha. Era a vez de Jules rodar a garrafa. Quando vi a garrafa parara em Jules e Sara.

— Verdade ou Desafio, Sara?

— Desafio! — Sara, falou tranquilamente.

— Te desafio a dar um beijo de língua no Igor.

Sara, olhou para mim e veio em minha direção lentamente, ela acariciou meu rosto e tocou os lábios no meu, senti suas mãos percorrer meu peito. Ela levantava a minha camiseta até tirar por completo.

— O.K! Chega Sara ótimo! — gritou Jules.

Sara deu uma risadinha de canto e rodou a garrafa novamente. A garrafa para na Sara e Jules

— Verdade ou Desafio, Jules?

— Quero um bom desafio. —falou Jules retirando a própria camiseta e mostrando seu abdômen definido.

— Ótimo — falou Sara com um olhar sedutor. — Te desafio a dar um beijo melhor que o meu no Igor!

Olhei para os dois e fiquei parado que nem uma estátua, logo pensei: Por que eu? O que eu fiz para estarem fazendo isso comigo? Será que eles já tinham planejado tudo isso?

Jules se levantou lentamente com gestos sedutores, pegou em minha mão e me puxou para seus braços, como se tivéssemos dançando valsa. Olhou em meus olhos e começou a acariciar meu corpo retirando minha calça jeans, ele pegara minha mão colocando-as em sua cintura retirou a sua calça de moletom azul. Vi um grande volume em sua cueca, ele pegou em meu pescoço e me beijou como nas novelas. Sara começou a retirar a sua roupa e ficou somente de calcinha.

— Vamos meus lindos para meu quarto! — Expressou Sara puxando eu e Jules pelas mãos.

Ao chegar, fechamos a porta, ligamos o som e, começamos uma nova brincadeira entre nós três.

Continua…

Leia o Texto Anterior: Mais que Amigos

Anúncios